"Compreendi que o Amor é tudo"

[Recreações]

Vivendo na Fé, o "Eterno Hoje" de cada dia, esperamos sempre a chuva de bênçãos que os santos, os nossos amigos do Céu, derramam sobre nós - especialmente neste Ano do Jubileu da Misericórdia -, para nos ajudar a fazer florir as sementes de Amor que o Deus Bondade deposita continuamente no nosso coração. Por isso, suplicamos a sua intercessão, para reavivar em nós o desejo de felicidade, plena e verdadeira - muito para além das superficialidades- , que todos levamos no mais íntimo do nosso Ser, e transformá-lo em atitudes e gestos concretos do nosso modo de viver.

Partilhamos com os nossos amigos e corações de boa vontade, um texto em forma de coro falado, com base no Manuscrito B de Santa Teresinha do Menino Jesus, onde ela nos conta a sua experiência pessoal de descoberta de que somos feitos para amar com o Amor tão Humano e tão Divino de Jesus, o rosto da Misericórdia de Deus!

Que cada um de nós faça a mesma descoberta, de forma bem pessoal e profunda!

coro falado.pdf

2016-09-14

da mesma secção

"Compreendi que o Amor é tudo"

Vivendo na Fé, o "Eterno Hoje" de cada dia, esperamos sempre a chuva de bênçãos que os santos, os nossos amigos do Céu, derramam sobre nós - espec ...

Continuar a ler

Teatro: Entre teólogos e espirituais

JHS+MAR
Recreação piedosa:  Santa Madre, entre os Teólogos e espirituais! Temores da Oração.
 Oraçã ...

Continuar a ler