Um dom de Deus...

[A Carmelita]

"A minha vocação de carmelita lança-me na adoração, em acção de graças"
Bem-aventurada Isabel da Trindade, Carta 219

 

A Carmelita deixa-se amar por Deus; d’Ele recebe os dons das virtudes teologais da Fé, da Esperança e do Amor; deseja o abandono nas Suas mãos com uma confiança infinita. 

Pelo recolhimento interior e vigilância de coração, proporcionados pelo silêncio,  solidão, clausura e uma pequena comunidade fraterna, faz da sua vida uma oração contínua, onde procura Cristo Esposo para viver em intima união de Amor com a Santíssima Trindade e assim, poder derramar-se, num esquecimento total de si mesma, em Alegria, Afabilidade e Amizade para com as suas Irmãs, para bem da Igreja – particularmente dos sacerdotes -   e da Humanidade.

da mesma secção

Um dom de Deus...

"A minha vocação de carmelita lança-me na adoraç&atil ...

Continuar a ler

Procurai lendo ...

"e depois do fogo, o murmúrio dum brisa suave... Quando Elias o ouviu, cobr ...

Continuar a ler

Encontrarei meditando...

"A vocação das carmelitas é um dom do Espírito,&nb ...

Continuar a ler

Chamai orando...

Santa Teresa de Jesus, Nossa querida Mãe, alcança-nos a graça se ...

Continuar a ler