Solenidade de NªSª do Carmo

[Aniversários]

No domingo 19 de Julho, na Eucaristia dominical celebrámos Nossa Senhora do Carmo, para poder partilhar com os nossos irmãos na fé, amigos, benfeitores e todos os corações de boa vontade que o Senhor conduziu até ao nosso Carmelo, a maior Solenidade própria da Família Carmelita, uma vez que o dia litúrgico da mesma (16 de Julho) ocorreu durante a semana de trabalho.
Foi uma Celebração muito linda, presidida pelo Sr Pe Victor Hidalgo, carmelita descalço, - que, tal como já nos habituou, fez uma belíssima homília - vivida intensamente na escuta da Palavra de Deus e de toda a liturgia própria desta Solenidadede e com a ajuda de cânticos marianos muito "perfumados" com a nossa espiritualidade carmelita ... pois o Carmelo é todo de Maria!!! E, claro, não faltou a imposição do Escapulário.

 

No final da Eucaristia seguiu-se um momento lúdico, muito bonito, em honra de Nossa Senhora do Carmo com um Concerto Mariano executado "brilhantemente" pelos Grupos Corais de Tavira e Quarteira, dirigido pelo Sr Prof. Carlos Sousa acompanhado ao piano pelo Sr Prof. João Almeida. A todos os membros destes dois Grupos Corais manifestamos os nossos mais sentidos parabéns e a nossa imensa gratidão pelo amor que manifestaram por Nossa Senhora do Carmo e como pela sua arte nos ajudaram a fazê-La conhecer e amar. Que a todos Jesus recompense com só Ele o sabe fazer! Bem hajam!

Aqui deixamos alguns excertos da homília do Sr Pe Victor para meditar e saborear um pouquinho de Jesus, Maria e do Carmelo! Bem haja, nosso querido Irmão Pe Victor de Jesus Maria!

"Impossível para nós (carmelitas) não olharmos o rosto da Mãe que tem em seus braços o Menino! Impossível não pensar que aquele Menino é o Filho de Deus, nosso Salvador e alimento das nossas vidas! Impossível celebrar o Filho sem celebrar a Mãe, porque Ela nos atrai para Ele! 
É domingo, é dia de Jesus, esse bom filho e irmão que nos toma pela mão e nos leva para o colo da Mãe. Porque não a quer só para si Ele no-la dá para também assim ficarmos mais pertinho Dela.
A palavra de Deus recorda-nos muitas vezes que Deus actua no mundo através dos homens e mulheres que Ele chama e envia como testemunhas do seu projecto de salvação. Esses “enviados” devem ter como grande prioridade a fidelidade ao projecto de Deus.


Hoje podemos ser nós os enviados, os mensageiros de Deus, levando palavras de salvação. Só precisamos estar disponíveis e dizer sim, como Maria ao projecto de Deus nas nossas vidas. E desta forma realizaremos a nossa vida em plenitude, e seremos melhores cristãos. O Senhor pensava em discípulos que olhassem o mundo com compreensão, carinho e ternura. Cristo queria ver os seus discípulos dedicados a aliviar o sofrimento e a infundir esperança. É essa, e não outra, a nossa missão e o nosso testemunho que devemos transmitir. 
Também por isso, Maria, foi-nos dada do alto da cruz, é nossa mãe por nomeação divina. Daí que Ela tem qualidades e tarefas especiais, como são: a compaixão, o amor que nunca esmorece e o cuidado dos discípulos de seu Filho, ou seja (o cuidado) de todos nós. São estas as tarefas que Maria realiza a favor de todos aqueles que imploram o seu auxílio. Ela é a Mãe Espiritual que acompanha o nosso crescimento para a plenitude de Cristo, desde o dia do nosso baptismo até  chegar à gloria de Deus. Em cada momento do nosso dia-a-dia, Ela nos acompanha, caminha connosco e nunca nos abandona.


...o escapulário é uma parábola de comunhão, porque é o presente de uma Mulher que, todos os dias, intercede por nós junto de seu Filho. Por isso, não há outro sinal nem símbolo mais venerado no Carmelo como o santo escapulário. Ele e Nossa Senhora formam de tal maneira um conjunto que não se pode mencionar uma realidade  sem a outra.
Dai que, para o cristão, o escapulário é um sinal do seu compromisso a viver a vida cristã seguindo o exemplo da Virgem Santíssima e um sinal do amor e da protecção maternal de Maria, que envolve os seus devotos no seu manto como o fez com Jesus ao nascer, como mãe que aconchega e ampara os seus filhos. Também Deus cobriu com um manto Adão e Eva depois do pecado. Jónatas deu o seu manto a David como sinal da sua amizade, e Elias deu o seu manto a Eliseu e encheu-o do seu espírito aquando da sua partida. São Paulo diz-nos para nos revestirmos de Cristo, com a veste das suas virtudes. E o escapulário é o sinal de que pertencemos a Maria como seus filhos. 
É muito significativo que na sua última aparição em Fátima, no dia 13 de Outubro de 1917 (mil novecentos e dezassete), o dia do milagre do sol, a Virgem tenha vindo vestida com o hábito carmelita e com o escapulário na mão. Algum tempo depois (desta aparição) o Papa Pio XII, exortou ao uso do escapulário como “sinal de Consagração ao Imaculado Coração de Maria, que nos marca assim como filhos escolhidos de Maria e se converte para nós numa veste de graça” .
Sabemos também que o Papa João Paulo II, usava o escapulário: “Eu - dizia o Papa - também levo sobre o meu coração, desde há muito tempo, o escapulário do Carmo. Pelo amor que sinto à nossa comum Mãe celeste, cuja protecção experimento continuamente”.

... o escapulário é um sinal simples da presença de Maria na nossa vida; é uma chamada para estarmos perto dela; é um compromisso para seguirmos a Jesus na fé, unidos a toda a Igreja; é mostrar a beleza de uma vida evangélica, para que todos possam encontrar o rosto de Jesus.
Em suma, o escapulário que recebemos de Nossa Senhora do Carmo é um dom, mas é também um compromisso de trabalhar para sermos santos e darmos testemunho da luz de Cristo.


Peçamos a Nossa Senhora que assim como ela manteve a sua plena entrega a Jesus, assim também nós vivamos empenhados ao longo dos nossos dias seguindo os passos de Jesus e que nos ensine a viver com audácia e generosidade a nossa vocação cristã.
Que Maria nos ajude a ser homens e mulheres de hoje; a viver o momento presente, com coragem e lucidez, sem nos envergonharmos de ser amigos de Jesus. Que a Mãe faça de nós pessoas criativas e cheias de esperança, capazes de oferecer o melhor que temos, porque como reflectimos hoje, o que recebemos gratuitamente de Deus não é para ficar fechado em nós, mas para ser partilhado de forma a ajudar os outros."

 

2015-07-19

da mesma secção

Quarta-feira de Cinzas

Queridos amigos, informamos que a Eucaristia na próxima Quarta-Feira de Cinzas será celebrada às 17h00m na Capela do nosso Carmelo.
A todos desejamos um Santo Tempo da Q ...

Continuar a ler

Missa da meia-noite 2016 - 2017

Convidamos todos os nossos amigos para celebrar connosco a Eucarístia da Meia-Noite - com início às 23h30m -, em honra e louvor de Santa Maria, Mãe de Deus!
Em Ma ...

Continuar a ler

Feliz e Santo Natal 2016

Contemplando o Jesus Menino, junto de Maria e José,  na lapinha de Belém, cantamos hinos de louvor e de acção de graças, ao nosso  ...

Continuar a ler

Celebrações - Natal 2016

Paz e Alegria!

Convidamos todos a celebrar connosco o Nascimento de Jesus, Nosso Deus, Senhor e Salvador!
A Eucaristia desta N ...

Continuar a ler